17º Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos apresenta vencedores

Foto: Divulgação/PMG

A Prefeitura apresentou os três ganhadores do 17º Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos em evento que aconteceu no último sábado (4) no Salão de Artes do Centro Municipal de Educação Adamastor. A premiação marcou ainda a abertura oficial da exposição, que segue até o dia 6 de março do próximo ano no Salão de Exposições. A cerimônia contou com as presenças do prefeito Guti e do vice-prefeito e secretário de Cultura, Professor Jesus.

“Nosso objetivo com o Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos é incentivar a produção cultural dos nossos artistas por meio do fomento de tais premiações, o que integra Guarulhos com algumas das mais importantes cidades do mundo e demonstra nosso apreço e engajamento com a cultura”, disse o prefeito, lembrando ainda que, dos 132 artistas inscritos nessa edição, 51 são guarulhenses.

Professor Jesus falou da importância desta edição para o enriquecimento cultural do guarulhense, que ao visitar o espaço de exposições do Adamastor tem a oportunidade de conhecer parte da produção nacional em artes visuais. “Ao longo de sua história o Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos já recebeu milhares de inscrições de todas as regiões do país e até mesmo inscrições de brasileiros que vivem em outros países”, observou.

Adriana Lins, responsável pela Divisão de Artes Visuais da Prefeitura, destacou a função do Salão Nacional em meio a iniciativas de reconhecimento e divulgação da arte. “Em um momento tão delicado conectamos a arte e as pessoas ao mostrar um recorte cultural e social, reflexo atual do que estamos vivendo no Brasil e no mundo”, disse.

Os premiados desta edição foram: em 1º lugar, com prêmio de R$ 8 mil, Dariane Martiól, em 2º lugar Loro Verz (R$ 6 mil) e, em 3º lugar, Marcos Akasaki (R$ 4 mil). A premiação fez ainda cinco menções honrosas aos artistas Claudio Trindade, Edmar Almeida, Felipe Marcel, Ricardo Coelho e Tales Frey. As obras premiadas passarão a pertencer ao acervo de artes visuais da Secretaria de Cultura.

Votação popular

Até o dia 27 de fevereiro de 2022 haverá votação popular pelo site http://servicos.guarulhos.sp.gov.br/destaques/cultura/17o_salao_artes_visuais/index.html, sendo atribuída uma única premiação para a obra mais votada. O resultado será divulgado em Diário Oficial a partir de 1º de março. As obras premiadas também passarão a pertencer ao acervo de Artes Visuais da Secretaria de Cultura.

Nesta edição o Salão Nacional de Arte Contemporânea de Guarulhos contou com a participação de estados como Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe. O salão contou com aproximadamente 1.800 obras inscritas, das quais foram selecionadas 191 de 132 artistas plásticos nas categorias fotografia, pintura, gravura, instalação, desenho, escultura, arte digital e arte-objeto.

A seleção foi feita em duas etapas por um corpo de jurados, críticos de arte de notório saber, composto por Alexandre Vilas Boas, doutorando em artes e artista plástico, Enock Sacramento, curador e crítico de arte, e Gilberto Vançan, mestre em artes e artista plástico.