Reportagem: Ulisses Carvalho

ulissescarvalho@grupomgcom.com.br

Mesmo com uma lista de espera atualmente de 7.800 crianças a prefeitura afirmou deve entregar até o final deste ano, nove das dez creches que atualmente estão em obras na cidade. Atualmente, de acordo com dados fornecidos pela administração municipal há 56 escolas da rede e 74 instituições parceiras que atendem as crianças em idade de creche.

Juntando a rede municipal e as entidades conveniadas, atualmente há 26.901 mil alunos que frequentam as creches. “São previstas a entrega de nove creches até o final de 2019”, informou em nota a prefeitura, destacando que as unidades com previsão de entrega neste ano são Centro de Educação Unificada (CEU) Itapegica, localizado na rua Deus do Sol, na Vila São Rafael, CEU Bonsucesso, na avenida Paschoal Thomeu, no bairro de Bonsucesso, CEU Continental, na avenida Maria Gebin de Moraes, no Parque Continental II, além da creche Andrômeda, situada na rua Andrômeda, no Parque Primavera.

Outras unidades com previsão de entrega são a creche Diva, localizada na rua Diva, no bairro do Parque Santo Antônio, creche Mucambo, na rua Mucambo, no Parque Uirapuru, creche Jardim Maria de Lourdes, na rua Caminho Quatro, no bairro Jardim Maria de Lourdes, creche Vila Alzira, na avenida José Miguel Ackel com a Estrada Pimentas São Miguel, na Vila Alzira e creche Vila Galvão, na avenida Pedro de Souza Lopes.

O HOJE questionou a prefeitura sobre o motivo no atraso das obras e o principal entrave na entrega.Foram encontrados sérios problemas com os contratos e com a execução das obras, alguns contratos, inclusive, precisaram ser rescindidos”, informou a administração municipal.

Outro problema grande problema é a obra da creche do Parque Cecap, localizada na rua Bela Vista de Goiás, que continua parada, e local que era para as crianças estudarem serve de ponto de drogas, além do corpo de uma mulher ter sido encontrado queimado no dia 17 de janeiro deste ano. Segundo a prefeitura, as obras serão retomadas no local e o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM) já foi solicitado, porém, a área ainda parece estar abandonada.

“Em relação à obra Creche/Pré-Escola no Parque Cecap, foi necessária a elaboração de projetos de drenagem devido ao nível do lençol freático da área, e estão sendo finalizados os levantamentos e documentações necessárias para uma nova licitação”.

Foto: Ivanildo Porto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here