Guarulhenses divergem cadastro para as mensagens indesejadas de telemarketing

Antônio Boaventura

[email protected]

O HOJE foi às ruas nesta quarta-feira (17) saber a opinião sobre a medida adotada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em conjunto com as operadoras de telecomunicação para conter os excessos de envio de mensagens promocionais e constatou a existência de divergência entre os guarulhenses em relação ao tema. Até o meio-dia desta quarta-feira (17) haviam 960 mil usuários cadastrados no site www.naomepertube.com.br.

Aquele que não desejar receber chamadas de telemarketing das prestadoras de serviços de telecomunicações (telefone móvel, telefone fixo, TV e Internet) poderá realizar o bloqueio e a prestadora para a qual não deseja receber chamadas. O bloqueio ocorrerá em até 30 dias corridos a partir da data de solicitação.

“Costumo receber muitas ligações e não aguento mais. Estou de acordo plenamente com a medida adotada pela Anatel. Eles ficam importunando na verdade e não importa se é o celular ou telefone residencial. E por mais que você peça para excluir da lista, o número não é retirado”, disse o professor Cláudio Ribeiro, 42 anos. Ela disse já ter uma extensa lista de números para cadastrar.

Já operadora de caixa Ivonete Barbosa entende que a medida não pode ser tão radical e classifica os informativos enviados por mensagem de SMS ou ligações pode se tornar essencial em determinados momentos. Contudo, ela acredita que deve haver disciplina nesta prestação de serviço. “Eu recebo mensagens e ligações e isso também às vezes incomodaMas, entendo que não precisa ser tão radical por que pode ser necessário”, observou.

Foto: Ivanildo Porto