Cultura: Proponentes de projetos aprovados pela Lei Aldir Blanc em Guarulhos partilham experiências em seminário

Ramon Marambio, Alex Popovic e Diego Dionísio, proponentes com projetos contemplados no Edital Aldir Blanc/Funcultura, foram os convidados na noite da última terça-feira (15) do Seminário Plano Municipal de Cultura 2020. O evento segue até a próxima sexta-feira (18) com oficinas no período da manhã, bate-papos à tarde e palestras à noite, conteúdo digital transmitido pelo canal oficial da Prefeitura de Guarulhos no YouTube (https://www.youtube.com/channel/UC60j17Hvlg-poRLOtvUfUrw).

Carpição – Plantar e Colher Pertencimento e Ressignificação, do proponente Diego Dionísio, Festival Brasilidades, de Alex Popovic, e Circo Marambio – Festival Maromomi, de Ramon Eduardo Moreira, estão entre os 131 projetos aprovados pelo Fundo Municipal de Guarulhos, o FunCultura, contemplados com recursos federais da Lei Aldir Blanc (14.017/2020), que prevê auxílio emergencial para o setor cultural durante o estado de calamidade pública causada pela pandemia da Covid-19. Dessa forma, os recursos recebidos para execução desses projetos vão movimentar a cadeia do setor cultural e beneficiar artistas, produtores e técnicos, entre outros.

Mediados pelo secretário de Cultura Vitor Souza, os proponentes abordaram a trajetória de elaboração de seus projetos e deram detalhes sobre sua concepção e execução.

“O Seminário do Plano Municipal de Cultura é bastante diverso em seus temas. Nesse contexto, importa trazer para esse debate o percurso da chegada do decreto para auxílio emergencial ao setor cultural no Congresso e sua aprovação pelo governo federal. Economicamente falando, a cultura foi uma das áreas mais impactadas pela interrupção de suas atividades e um dos primeiros setores que se reinventou para garantir sua continuidade”, observou Vitor Souza.

Para o secretário de Cultura, o compartilhamento das experiências dos proponentes de projetos aprovados pela Lei Aldir Blanc em Guarulhos permite perceber o modo como a gestão pública dos municípios contemplados pelo recurso federal se organizou para garantir tanto o mapeamento das atividades culturais e artistas como a elaboração de estratégias para a pronta destinação dos recursos.