Colocação de grades em passarelas da via Dutra deve virar lei em breve

A Câmara de Guarulhos aprovou em definitivo o Projeto de Lei (326/2021) determinando a colocação de grades de proteção nas passarelas e viadutos do município, de autoria do vereador Jayme Junior (Republicanos). O texto segue à sanção ou veto do prefeito Guti. O vereador Gilvan Passos (PSD) disse que quando esteve à frente da Secretaria Municipal de Segurança constatou muitos suicídios nas passarelas, portanto, o projeto ajudará muito a cidade.

Em primeira discussão foram aprovados: PL 2681/2021 alterando a Lei nº 6.120, de 16/03/2006, estendendo o objeto do termo de permissão de uso até o km 36,5 da rodovia Juvenal Ponciano de Camargo, de autoria da Prefeitura; PL 3907/2019 que denomina o Centro de Educação Unificado de CEU Clara Amélia Redondo Bispo, do vereador Geraldo Celestino (PSC); PL 1610/2021 que atribui a nomenclatura de Arquivo Histórico Municipal Araci Borges Dias Martins, para o arquivo histórico, vereador Edmilson (PSOL).
A Fusão dos Projetos nºs 783/2021 e 916/2021 que cria o Selo de

Responsabilidade Social Parceiros das Mulheres, certificando empresas que priorizam a contratação de mulheres vítimas de violência doméstica, de autoria dos vereadores Vanessa de Jesus (Republicanos) e Edmilson (PSOL) foi aprovado e recebeu muitos elogios.

Segundo Vanessa, a proposta visa fomentar a contratação de mulheres vítimas de violência doméstica. “É uma oportunidade que elas terão de se desvincular de seu agressor e seguir adiante”. Edmilson agradeceu àqueles que se posicionaram favoravelmente à proposta, bem como à sensibilidade da vereadora Vanessa que aceitou a fusão. Segundo ele, o índice de violência contra a mulher em Guarulhos é muito grande, sendo ainda mais alto na região do Pimentas-Bonsucesso.

Imagem: João Nogueira/AE