Aeroporto de Cumbica registra seis incêndios neste ano provocado por queda de balões

O Aeroporto Internacional de Guarulhos, registrou nesses primeiros nove meses de acordo com informações da Força Aérea Brasileira (FAB),seis incêndios em área sob a jurisdição da Gru Airport, além de inúmeros avistamentos de balões sobre o aeródromo e nas áreas de aproximação das aeronaves.

“Infelizmente as pessoas não têm conhecimento dos riscos da prática de soltar balão, que é bastante difundida no Estado de São Paulo. Enquanto o balão está no ar, pode causar uma colisão com as aeronaves e interferir na visibilidade do entorno do aeródromo, causando modificações nas rotas, além de possíveis incêndios em áreas residenciais e de mata verde, gerando grandes prejuízos”, ressaltou o Tenente José Guardião Neto, da Seção de Contra Incêndio da Ala 13.

O último incêndio controlado pela equipe da Seção de Contra Incêndio da Ala 13, foi no dia 9 deste mês. “O militar de serviço que atua na torre de observação dos bombeiros avistou fogo próximo à pista de pouso 27L e, em seguida, acionou a emergência. O incêndio, mais uma vez, foi causado pela queda de balão de ar quente, situação frequente no aeroporto”, explicou o Sargento Tiago da Silva Barbosa, chefe de equipe de bombeiros no dia da ocorrência.

Crédito: Força Aérea Brasileira (FAB)