Share

Stap promete recorrer de decisão que mantém Gerir na gestão de hospitais

Diante da decisão do presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) de São Paulo, desembargador Wilson Fernandes, ao derrubar a liminar que suspendia o contrato firmado entre a Prefeitura de Guarulhos e o Instituto Gerir para a administração do Hospital Municipal de Urgências (HMU), Hospital Municipal da Criança e do Adolescente (HMCA) e Policlínica Paraventi, o Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública de Guarulhos (Stap) informou que irá recorrer.

“Nós vamos entrar com recurso. Do mesmo jeito que a prefeitura fez os seus mandados de segurança, a gente também pode acionar o pleno”, explicou o presidente do Stap, Pedro Zanotti.
Na última terça-feira (28), a Justiça do Trabalho da 2° região, por meio do vice-presidente judicial Carlos Roberto Husek, havia decidido manter a suspensão do convênio entre o Instituto Gerir e a Prefeitura de Guarulhos.

Antônio Boaventura
antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br
Foto: Ivanildo Porto

Deixe seu Comentário