Guarulhos já registrou oito casos de febre amarela

Com a morte de uma idosa confirmada pela Secretaria de Saúde nesta quinta-feira (25), o número de casos na cidade chega a oito, sendo quatro mortes e quatro casos em que os pacientes seguem em internação ou realizam recuperação em casa. A secretaria ressalta que até o momento nenhum caso foi contraído em Guarulhos, ou seja, todas as ocorrências foram em cidades próximas, como Piracaia, Nazaré Paulista e Atibaia.

Também nesta quinta-feira, a Secretaria Municipal de Saúde confirmou mais um caso de morador de Guarulhos que contraiu a doença em Nazaré Paulista entre os dias 31 de dezembro e 1 de janeiro, mas que já saiu da UTI do Instituto de Infectologia Emilio Ribas, em São Paulo.

Atualmente, 30 Unidades Básicas de Saúde da cidade oferecem as doses contra a febre amarela: Palmira, Continental, Vila Rio, Morros, Santa Lídia, Seródio, Haroldo Veloso, Carmela, Lavras, Soberana, Ponte Alta, Santa Paula, Álamo, Aracília, Piratininga, Cambará, Cabuçu, Recreio São Jorge, Novo Recreio, Belvedere, Primavera, Acácio, Bananal, Santos Dumont, Fortaleza, Água Azul e Bambi, além das UBS Munhoz, Cavadas e Ponte Grande, que são unidades temporárias de vacinação para bloqueio da febre amarela na região.

Já o Ambulatório da Criança (Centro) e a UBS Cecap são unidades que emitem Certificado Internacional de Vacinação. Portanto, elas somente vacinam as pessoas que viajarão para locais de risco, mediante comprovação de viagem marcada (passagens, reservas de hotel, entre outros).

Foto: Márcio Lino/PMG