Márcio França e Guti prestigiam a inauguração da sede da Guarucoop

A Cooperativa Mista de Trabalho dos Motoristas Autônomos de Táxis do Município de Guarulhos (Guarucoop) inaugurou, nesta quinta-feira (17) sua nova sede no bairro do Jardim Paraventi. A solenidade, que começou por volta das 20h, contou com a presença do governador Márcio França e do prefeito Guti, ambos do PSB, e de várias autoridades.

“Guarulhos é uma grande cidade. É a maior cidade depois da capital, mas também com grandes problemas. Por diversos motivos, e isso não é somente uma questão de governo, é uma questão de cidade grande que ficou acoplada à principal cidade do estado e não tem a mesma arrecadação da capital”, disse o governador Márcio França.

Além de destacar as virtudes e problemas do município, o governador também tratou de ressaltar a força que possui o estado de São Paulo. Durante a cerimônia, França manifestou o interesse em colaborar diretamente na solução dos mais diversos e variados problemas que a cidade possui.

“Você não pode trazer igual os desiguais por que você acaba sendo injusto. O estado de São Paulo é muito forte e poderoso. Se fosse um país estaria entre os doze, treze países maiores do mundo. São Paulo é maior individualmente que 150 países do mundo. São Paulo tem mais de 1, 2 milhão de funcionários diretos”, explicou França.

Vice-presidente da cooperativa de táxi azul e branco que atua no Aeroporto Internacional de São Paulo-Guarulhos, em Cumbica, Edmilson Americano, que recentemente assumiu a Secretaria de Serviços Públicos, afirmou que aceitar o convite do prefeito Guti (PSB) não foi das tarefas mais fáceis em função de sua forte ligação com a Guarucoop.

“A partir de agora vou me dirigir para outro lugar que eu amo, que é a Prefeitura de Guarulhos, porque também amo Guarulhos. O prefeito [Guti-PSB] fez um pedido pra mim e ele sabe o quanto foi difícil aceitar. Mas, entendendo que a cidade também precisa de uma pessoa para estar junto”, concluiu Americano.

Antônio Boaventura

[email protected]

Foto: Ivanildo Porto