Guarulhos é palco de encontro na área da segurança Pública

Nesta quarta-feira (15), Guarulhos sediou o 1° Encontro Regional dos Gestores Municipais de Segurança Pública do Estado de São Paulo, que teve como objetivo apresentar o modelo ideal de funcionamento do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M).

Com implantação do conselho diretivo, o município pode ser contemplado com recursos federais para investimento na segurança pública. Representantes de diversas cidades do estado estiveram presentes naquele evento.

“A cidade que tem o GGI parte na frente em relação à obtenção de verbas para a segurança. Aquele que tem o GGI-M criado em sua cidade já tem a prioridade do dinheiro ser liberado. Tudo o que feito e discutido sobre segurança com as polícias Federal, Rodoviária Federal, Civil, Militar, Guarda Civil Municipal (GCM) e Corpo de Bombeiros é encaminhado para Brasília, que dá uma atenção especial para nos atender melhor na área de segurança”, explicou o secretário municipal de Segurança Pública, Gilvan Passos.

Além da gestão integrada entre as forças de segurança, Gustavo Rocha, coordenador de prevenção nas instituições públicas do Ministério da Segurança Pública, defende a interação com a sociedade. Ele também entende que as ações para esta área não podem ser padronizadas em função das diferenciadas características que cada região possui.

“Eu acho que é uma coincidência muito feliz nós estarmos realizando este evento na Secretaria de Educação. Este é só um exemplo de como a segurança pública não se faz somente com agentes de segurança pública. Segurança pública feita somente pela polícia não dá certo”, declarou Rocha.

O GGIM atua por meio da junção de todas as forças de segurança: as Polícias Federal, Rodoviária, Militar e Civil, a Guarda Municipal e o Ministério Público. É um espaço criado para promover a interlocução permanente entre as instituições do Sistema de Justiça Criminal e as Instâncias de Segurança Pública no âmbito local, com a finalidade de reduzir os trâmites legais e facilitar a aplicação dos planejamentos na cidade.

Antônio Boaventura

[email protected]

Foto: Ivanildo Porto