Escolas da Prefeitura participam da Expocriatividade no Adamastor Centro

Incentivar a criatividade nos alunos e compartilhar as práticas pedagógicas entre professores e instituições de ensino de Guarulhos e região. Esse foi o objetivo da Expocriatividade, que acompanha a Semana do Conhecimento no Adamastor Centro. O evento realizado nesta quinta-feira (24) abordou o tema “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”.

Nesta 3ª edição, cerca de 800 alunos da Prefeitura participaram de diversas atividades educativas, tais como apresentações de teatro, oficinas mão na massa e entrega de Gibis. A exposição de projetos é direcionada aos alunos e professores da Educação Infantil, Ensino Fundamental I e EJA (Educação de Jovens e Adultos), além de visitantes das escolas públicas e particulares.

A aluna do 3º ano da EPG Gracira Marchesi Trama, Laryssa Martins Adão estava impressionada com a exposição de maquetes desenvolvidas pelos alunos por meio das instruções dos professores. “É muito legal ver tanta criatividade junta feita pelas crianças e professores, além de poder brincar com alguns dos projetos desenvolvidos”, vibrou a aluna.

Ao longo do dia, os alunos assistiram peças de teatro da Trupe Akadeka e a Cia de Teatro Ponte Alta.

Inovação e sustentabilidade

Segundo a professora Rosana de Fátima Romero Bononi, da EPG Inez Rizzatto Rodrigues, há alguns anos vem desenvolvendo com os alunos um projeto que visa o respeito ao meio ambiente com aulas práticas e ações voltadas para sustentabilidade. “O projeto Novo Olhar enxerga novas possibilidades para os objetos considerados descartáveis e ressignifica através de produções inovadoras, pautadas no princípio da robótica, que incentivam a criatividade dos alunos”, explicou a professora, que participa todos os anos com muito engajamento do evento.

Na ocasião, a professora apresentou 11 projetos realizados com a turma do 5º ano. Uma de suas alunas, Allana Ferreira Silva, apresentou algumas invenções: “O Futebol de imãs faz com que a força magnética dos imãs dos bonecos faça o gol. Já o Braço robótico hidráulico funciona com a pressão da água”, relatou.

A Expocriatividade contou ainda com diversas parcerias de sucesso que fizeram a imaginação e a diversão do público. A Matemateca, composta por professores do Instituto de Matemática e Estatística da USP, na qual professores da rede que receberam formação apresentaram os objetos que despertavam a curiosidade dos visitantes mostrando a matemática em ação, dentre eles, o jogo da velha 3D, vingança olímpica, Pitágoras e sela.

A Rede de Aprendizagem Criativa, ESAP Lab – Laboratório de Inovação da Secretaria de Gestão de Guarulhos, Fábrica de Nerds, Legand – Educação e Tecnologia, Colégio Batista, Banca da Ciência UNIFESP e USP, Eniac e diversos profissionais da Rede Municipal participaram da formação Professor que Inova, oferecendo oficinas.

No encerramento do evento, os alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos) assistiram a apresentação da Orquestra de Violeiros Coração da Viola e do Grupo Teatral Reverberantes.

Ao todo, 15 escolas da Rede Municipal foram aprovadas e apresentaram seus projetos. As EPGs Casimiro de Abreu, Anísio Teixeira, Josafá Tito, Paulo Autran, Deucélia Adegas, Inez Rizzatto, Gracira Marchesi, Walter Efigênio, Jeanete Beauchamp, Ione Gonçalves, Alfredo Volpi, Jorge Amado, Dorcelina de Oliveira, Celso Furtado e Capitão Gabriel.