MPF realiza inspeção sobre acessibilidade no Aeroporto de Guarulhos no dia 12

O Ministério Público Federal (MPF) fará uma inspeção no Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP) no próximo dia 12 de março, às 14h, para verificar se a concessionária responsável pelo terminal tem adequado as instalações às normas técnicas de acessibilidade.

Envolvida em dois inquéritos civis do MPF sobre o tema, a empresa GRU Airport apresentou, em reunião na Procuradoria da República no município, as medidas que vem adotando para permitir a fácil circulação de pessoas com deficiência e mobilidade reduzida no aeroporto.

Uma das promessas da concessionária é a aquisição de um elevador de grande capacidade para o terminal 3, onde outros oito elevadores já estão em funcionamento. Durante o encontro no MPF, realizado na segunda-feira (2), representantes da GRU Airport se comprometeram a apresentar, em até 30 dias, um cronograma de instalação do equipamento, bem como de adequação do piso tátil em todo o aeroporto.

Entre os pontos que serão inspecionados no dia 12 está o funcionamento do totem de atendimento a passageiros com limitações visuais. Além do procurador da República Guilherme Rocha Göpfert, responsável pelos inquéritos do MPF, uma pessoa com deficiência deve participar da vistoria para conferir na prática a acessibilidade no terminal.