PF prende passageiros com drogas em embalagens de biscoito no Aeroporto de Guarulhos

Da Redação
[email protected]

A PF, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, prendeu entre a madrugada e manhã desta quinta-feira (13), em ação conjunta com a Receita Federal, dois homens tentando embarcar para a África com mais de 8 Kg de cocaína e outro desembarcando com mais de 13 Kg de skunk.

Policiais federais, que fiscalizavam passageiros junto aos balcões de check-in de voo com destino a Addis Ababa, na Etiópia, desconfiaram do comportamento de dois homens e os selecionaram para entrevista.

Em razão das suspeitas decorrentes das respostas evasivas dos passageiros, eles foram conduzidos a uma sala reservada para revista das bagagens e busca pessoal. Com o suspeito, nacional da África do Sul, foi encontrado, atado ao seu corpo por meio de esparadrapos, quase um quilo de cocaína. Já com o outro passageiro, nacional da Nigéria e que ingressou no país beneficiado pela Lei do Refúgio, 8 Kg da mesma droga estavam dissimulados e embalados da forma de biscoitos de arroz.

Servidores da Receita Federal, que fiscalizavam as bagagens de passageiros que desembarcavam de voo procedente de Manaus, com o auxílio do aparelho de raio-x, desconfiaram do grande volume de material orgânico contido em uma mala. Ela foi separada, seu proprietário localizado e conduzido para acompanhar a revista.

Dentro da mala foram encontrados 13 volumes contendo mais de 13 Kg de skunk. O homem, um brasileiro de 21 anos de idade, recebeu voz de prisão. Os presos serão apresentados à Justiça Federal, onde responderão pelo crime de tráfico de drogas.