Educadora em saúde de Guarulhos fala sobre o avanço da dengue

Em tempos de pandemia do novo coronavírus, muitas pessoas se esquecem de outro perigo que ronda as cidades: o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya, zika vírus e febre amarela. Para alertar sobre o problema, a educadora em saúde Grace Noronha, do Departamento de Vigilância de Guarulhos, irá participar da reunião semanal de Aula de Trabalho Pedagógico Coletivo (ATPC) da Diretoria de Ensino Guarulhos Sul, que será realizada nesta terça-feira (8) de forma virtual pela plataforma Stream Yard, veiculada no YouTube, das 10h às 11h30.

A educadora em saúde abordará os aspectos das arboviroses, a biologia e controle do Aedes aegypti e a situação epidemiológica dessas doenças no município de Guarulhos, que tem registrado um avanço da dengue, especialmente na região Pimentas/Cumbica, onde foram diagnosticadas 229 pessoas infectadas do total de 503 casos confirmados na cidade de janeiro deste ano até o momento. Cerca de 200 professores coordenadores e de ciências humanas estarão conectados para ouvir a especialista, que fará sua explanação nos 15 minutos iniciais da reunião, que depois prosseguirá com questões relativas ao processo de trabalho do magistério.

A apresentação de Grace, que poderá ser acompanhada ao vivo pelo link https://www.youtube.com/channel/UCIjZscq2RKVnXLFVbMK6PkQ, será reprisada na quarta e quinta-feira, dias 9 e 10, no mesmo horário, para professores de linguagens, matemática e ciências da natureza. Com isso, sua explanação, que foi articulada com a coordenadora do Programa Saúde na Escola pela Diretoria de Ensino Sul, Natalina Mateus, através do Grupo Gestor Saúde e Educação Arboviroses e Doenças em eliminação do PSE, deverá atingir cerca de 600 pessoas.