ACE-Guarulhos discute ações do pós-pandemia e cria núcleo de gestão institucional

Com mais de meio milhão de doses de vacinas aplicadas no município, entidade tem se programado para o retorno definitivo das atividades econômicas

A diretoria da Associação Comercial e Empresarial de Guarulhos (ACE-Guarulhos) se reuniu na última semana para debater ações na retomada da economia local. O mote das discussões foi o papel da entidade no apoio ao setor produtivo no pós-pandemia. Com o avanço da imunização contra a Covid-19, sendo que mais de meio milhão de doses já foram aplicadas nos guarulhenses, a entidade estuda medidas para acelerar a retomada da economia na região.

De acordo com Silvio Alves, presidente da ACE-Guarulhos, o momento é bastante propício para que a entidade busque soluções assertivas, com o objetivo de proporcionar um melhor ambiente econômico aos comerciantes e empresários do município. “Segundo uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), 71% dos brasileiros acreditam que a vacinação será a grande responsável pela recuperação econômica no país”, disse.

Diante deste cenário, os diretores da ACE-Guarulhos têm se planejado para otimizar os resultados da entidade, oferecendo soluções e serviços ainda melhores aos seus associados. “A pandemia nos impôs diversos desafios, mas a nossa associação já mostrou a sua capacidade em outros momentos difíceis. Confio muito na capacidade da nossa diretoria e dos nossos colaboradores para nos reinventarmos nesta retomada econômica”, avaliou Silvio. 

Dentre as ações planejadas para este novo momento, em que o mundo caminha para o fim da pandemia, a ACE-Guarulhos criou o Núcleo de Gestão Institucional (NGI), um canal direto entre o corpo diretivo e a presidência, no qual conselheiros e diretores poderão encaminhar demandas, sugestões propostas e/ou projetos. O NGI será supervisionado pelo presidente Silvio Alves e coordenado pelo vice-presidente jurídico da entidade, Dr. Alonso Alvares. A assessoria será do consultor Luiz Cláudio Pires.

“O principal objetivo do núcleo é resgatar a participação, influência e a autonomia da diretoria, promovendo o equilíbrio no trato entre a personalidade empresarial e institucional da entidade, preservando assim, o caráter constitutivo da associação”, finalizou Silvio.