Primeiro vice-prefeito negro de Guarulhos recebe prêmio pela luta contra o racismo

Foto: Divulgação/PMG

O vice-prefeito e secretário de Cultura, Professor Jesus, foi um dos 23 homenageados na 19ª edição do Troféu Raça Negra, que aconteceu na noite deste domingo (21) na Sala São Paulo, no Bom Retiro. Noite de gala que reuniu uma sucessão de talentos, o evento premiou personalidades negras e não negras que integram a luta contra o racismo e a favor da inclusão social.

“Sinto-me honrado em receber esse prêmio de grande importância. Quando eu era vereador, um dia, ao visitar uma casa, certa pessoa disse que não votaria em mim porque eu tinha três ‘Ps’ e ela não gostava de mim. Ingênuo, perguntei à pessoa o que seriam esses três ‘Ps’, e ela respondeu, ‘você é pobre e eu não gosto de pobre, você é político e eu não gosto de político, você é preto e eu não gosto de preto’. Essa noite, o preto está aqui recebendo o Troféu Raça Negra”, comemorou Professor Jesus.

O vice-prefeito e secretário de Cultura explicou ainda a representatividade deste troféu para toda a população negra de Guarulhos, pois deixa em evidência a força e a luta no combate ao racismo e na criação de espaços de diálogo e promoção da igualdade e da diversidade.

O prefeito Guti também destacou o trabalho realizado pela Subsecretaria de Igualdade Racial, que atua na promoção de ações voltadas ao combate do racismo. “Em 2017, quando criamos a Secretaria de Direitos Humanos, vislumbramos assegurar a garantia de direitos para os mais diversos segmentos da sociedade. Acreditamos que, dessa forma, vamos transformar não apenas a condição atual das pessoas vítimas de racismo, antes, vamos lutar por uma sociedade em que todos possam ter o mesmo acesso a educação, cultura, esporte, emprego e segurança, sem que para isso tenham que prescindir de sua cor, raça, gênero ou grau de instrução. Queremos uma cidade mais acolhedora e justa para todos”, afirmou Guti.

Homenageados

Além do Professor Jesus e da homenagem póstuma feita ao bailarino Ismael Ivo e recebida por sua irmã, entre os homenageados estavam o ex-presidente Michel Temer, a secretária municipal de Segurança Pública de São Paulo, Eunice Prudente, o atleta Hebert Conceição, medalhista de ouro no boxe nas Olimpíadas de Tóquio, a presidente da União Nacional do Estudantes (UNE), Bruna Brelaz, o ator Jonathan Azevedo e o reitor da Universidade Zumbi dos Palmares, José Vicente.

Idealizador do Troféu Raça Negra, Vicente foi motivado pelas comemorações dos 500 anos do Brasil, em 2000, evento que, na época, não incluiu nenhum negro entre os homenageados. “O povo brasileiro precisa conhecer nossos heróis de todas as cores, mas sobretudo os negros, que ajudam a construir o país todos os dias com seus talentos, determinações e realizações”, pontuou o reitor.

A 19ª edição do Troféu Raça Negra integra a programação da Virada da Consciência, iniciativa da Universidade Zumbi dos Palmares e da ONG Afrobras lançada em 2019 com o intuito de promover a diversidade racial.