Operação Grande ABC Mais Seguro detém 34 pessoas e recupera 48 veículos durante o feriado prolongado

Foto: Polícia Civil

A Polícia Militar do Estado de São Paulo deflagrou, ao longo do feriado prolongado, mais uma edição da Operação Grande ABC Mais Seguro para reforçar o policiamento e combater a criminalidade nas cidades de Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra. As atividades tiveram início na quinta-feira (14) e terminaram na madrugada desta segunda-feira (18).
Os trabalhos foram coordenados pelo Comando de Policiamento de Área Metropolitano 6 (CPA/M-6), mobilizando equipes do 6º, 10º, 24º e 30º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M), incluindo agentes da Força Tática e das Rondas com Apoio de Motocicletas (Rocam), além de integrantes do 6º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep), Cavalaria e policiamento rodoviário. Drones também foram empegados nas atividades.

Ao longo das atividades, oito procurados pela Justiça foram capturados e outras 26 pessoas presas em flagrante pelos crimes de roubo, furto, receptação, porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. Além disso, foram apreendidas porções de entorpecentes, duas armas de fogo, três simulacros e um celular.
Durante a operação, mais de 4,9 mil veículos foram vistoriados, sendo 3.351 motocicletas em razão do propósito de combater crimes violentos praticados por criminosos que se utilizam deste tipo de veículo. Como consequência dessa fiscalização, 48 veículos foram recuperados por estarem em situação de roubados ou furtados.
“O resultado das operações foi muito positivo e importante no combate à criminalidade. Isso ocorreu graças ao esforço e empenho dos mais de 450 policiais militares empregados diariamente e de forma exclusiva na operação, que muito comprometidos, atuaram em várias ações policiais em todo o ABC para impedir possíveis ações criminosas”, destacou o comandante do CPA/M-6, coronel Gilson Hélio Jesus dos Santos.
A população também pode contribuir com as ações policiais por meio de denúncias, sem a necessidade de identificação, ligando para o telefone 190 ou ainda pelo Disque Denúncia (181).

- PUBLICIDADE -