Sem fiscalização, terreno vira aterro clandestino no Jardim Ottawa

Foto: Giovanna Silvério

Uma área no Jardim Ottawa se transformou em um aterro clandestino. Durante meses diversos caminhões foram vistos despejando resíduos no espaço. O HOJE esteve no local no início do mês e constatou a existência do aterro.

“No local, fariam um campo de futebol em melhoria da comunidade e ele seria do Bandeirantes, o time de várzea mais antigo da comunidade. Teria também pista de corrida e parque, como se fosse uma associação de bairro. Até então, foram essas informações que foram passadas para nós em todas as reuniões que aconteceram. Mas depois, começaram a entrar muitos caminhões de terra. Sabemos que estavam querendo descobrir de onde esses caminhões vinham para depositar todo o material, o que não ocorria no começo das obras”, disse um dos moradores da região que preferiu não se identificar.

A denúncia também foi feita pelo vereador Leandro Dourado (PDT) que protocolou um requerimento na Câmara Municipal para obter mais informações referente ao terreno. “Acionei a prefeitura e agora compete ao prefeito junto ao secretário interditar a área. O pessoal que chega com o caminhão lá, muitas vezes, nem sabe o que está acontecendo ou porque que eles estão ali”, disse em entrevista ao HOJE TV.

O local estava cercado com identificação da Prefeitura de Guarulhos. No entanto, nesta semana uma placa foi colocada indicando que se trata de uma área particular pertencente a Atalaia de Cotia Incorporadora e Participações. Questionada no último dia 9, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU) não respondeu a demanda da reportagem.

- PUBLICIDADE -