O governador Geraldo Alckmin inaugurou ontem, em São Bernardo do Campo, a obra de transferência de água do Rio Pequeno para o Rio Grande. O investimento feito pela Sabesp, de cerca de R$ 20 milhões, permitirá que até 4.000 litros de água por segundo sejam bombeados, aumentando a segurança hídrica da Grande São Paulo. “Uma obra estratégica e importante. Essa interligação de sistemas, Rio Pequeno com o Grande e este com Taiaçupeba é o que nos dá enorme garantia nos períodos de seca extrema e de mudanças climáticas”, disse o governador Geraldo Alckmin.

A obra se estende ao longo de 1,2 km de extensão, no ABC. Seu objetivo é conectar dois braços da represa Billings, formados pelos rios Pequeno e Grande. Entre eles existe um desnível de 11 metros de altura que precisa ser superado com bombeamento, para que a água captada do Pequeno seja enviada até o braço do Rio Grande. Essa vazão é composta por água bruta, ou seja, aquela que ainda não passou pelo tratamento. Ela poderá ser captada e levada até a Estação de Tratamento de Água Rio Grande, que abastece parte do ABC, ou bombeada novamente até a represa Taiaçupeba, já no Sistema Alto Tietê, e lá também passar por tratamento antes de seguir para casas, prédios, comércios e indústrias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here