Alunos desocupam o Instituto Federal de Guarulhos, mas não descartam novo ato

Alunos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) desocuparam a unidade de Guarulhos após três dias de manifestação contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 241 do governo federal, que congela gastos públicos por 20 anos para pagar dívida pública, inclusive da área da educação.

O prédio foi ocupado na quarta-feira (21). A instituição disse que os alunos deixaram o local no sábado pela manhã após assembleia. Porém, o movimento poderá ocupar a unidade novamente.

Segundo Lucas Dechem Calanca, representante dos alunos em Guarulhos, a ação pode voltar a acontecer e tudo dependerá do consenso dos organizadores das outras unidades. O aluno não revelou mais detalhes.
Os protestantes alegam que, caso aprovada, a PEC poderá prejudicar melhorias da unidade. “Ano que vem esperamos ter ensino médio técnico, novos curso, ginásio e restaurante universitário. Porém, com a PEC aprovada, tudo isso estaria seriamente ameaçado”, comentou Dechem.
Não é só a unidade da cidade, que fica na avenida Salgado Filho, que foi ocupada. A sede de Campinas aderiu movimento há 15 dias, enquanto que a de Catanduva ficou sem aulas 20.

Reportagem: Gustavo Druzian
Foto: Ivanildo Porto