Amontoados de “santinhos” marcam dia de eleição em Guarulhos

Grandes amontoados de papeis de campanhas eleitorais marcaram o dia de eleição em Guarulhos. Popularmente conhecidos como “santinhos”, os informes eram facilmente encontrados nos arredores das escolas onde havia votação.

Em frente à Universidade Guarulhos (UNG), uma quantidade considerável de lixo cobria a via e as calçadas. O ajuntamento era tanto que uma idosa acabou se acidentando de uma moto. Enquanto seu marido estava tentando sair, o veículo derrapou e a mulher acabou queimando seu pé esquerdo no escapamento. O fato ocorreu por volta das 10h, o resgate foi acionado e logo chegou para prestar o socorro.

Já na rua Jaiminho, em frente à Escola Estadual Frederico de Barros Brotero, Vila Progresso, mais papeis tomaram o cenário. A estudante Rafaela Mikana, de 19 anos, disse que quase escorregou. “Eu quase cai em um desses, sorte que estava com um tênis bom, senão iria para o chão”, relatou.
Em outro ponto da cidade, no Parque Cecap, as ruas do entorno da E.E Elísio de Oliveira estavam sofrendo congestionamento devido ao grande fluxo de eleitores. E assim como todas as outras, os santinhos se faziam presentes. “Isso é um crime e infelizmente não fazem nada para acabar com isso, absurdo”, comentou a dona de casa Miranda Moreira, 26.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a entrega de santinhos, folhetos e panfletos no dia da eleição é pode causar punição com detenção de 6 meses a um ano, com a possibilidade de cumprir através da prestação de serviço à comunidade em igual período, e pagamento de multa no valor de R$ 5.320,50 até R$ 15.961,50, que pode ser sujeita a atualização.

Reportagem: Gustavo Druzian
Foto: Ivanildo Porto