ONS investiga apagão que atingiu Guarulhos na noite de domingo

O Operador Nacional do Sistema Elétrico abriu uma investigação para apurar a falha no suprimento de energia que atingiu Guarulhos na noite deste domingo. Além do município, foram afetadas algumas cidades das regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, com reflexos no Paraguai.

Segundo o ONS, ocorreu uma perturbação no sistema provocada, nas avaliações preliminares, por uma atuação indevida de uma proteção do compensador síncrono na subestação de Ibiúna (SP), de propriedade de Furnas. Com isso, houve o bloqueio dos dois bipolos de corrente contínua que trazem energia da usina hidrelétrica de Itaipu para a região Sudeste.

O apagão teve início às 19h51. Às 20h04 começou a recomposição das cargas e às 20h24 todas as cargas já tinham sido recompostas. “A recuperação foi muito rápida. Agora, o ONS, Furnas e os agentes envolvidos vão fazer uma avaliação técnica para investigar o ocorrido”, afirmou o diretor-geral do ONS, Luiz Eduardo Barata. Um relatório conclusivo sobre a perturbação deve estar pronto em duas semanas.
No momento da falha, acrescentou a hidrelétrica, o setor 50hz da usina produzia 1.600 MW para o Paraguai e 5.200 MW para o Brasil. Em Guarulhos reflexos foram sentidos nos bairros Vila Zanardi, Macedo, Bonsucesso, Bela Vista, Vale dos Machados, Maia, Jardim Paraventi, Taboão, Vila Galvão, Picanço, Vila Rio, entre outros.

Reportagem: Rosana Ibanez
Foto: Ivanildo Porto