Pediatra socorre mãe que deu à luz em casa

O Dia do Médico, comemorado nesta última terça-feira (18), foi movimentado na Unidade Básica de Saúde (UBS) Morros. A UBS abriu às 7 horas e, por volta das 9, um homem adentrou ao recinto e disse que sua filha acabara de nascer em casa. De pronto, o pediatra Roderico de Melo Neto suspendeu suas consultas e juntamente com enfermeira, auxiliar de enfermagem e a gerente da unidade se deslocou à residência da parturiente, onde fez os procedimentos necessários.

Na casa da família, a enfermeira cortou o cordão umbilical, o médico retirou o restante da placenta, examinou a criança e aguardou a chegada do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que conduziu a mulher e a criança à maternidade Jesus José e Maria para a realização de exames. A mãe, assim como a menina, que nasceu com 3,200 quilos e 47 centímetros, passam bem e devem ter alta nesta quinta-feira (20).

Essa já é a segunda vez que o pediatra da UBS Morros é surpreendido com imprevistos como este. Em 11 de fevereiro de 2014, uma gestante que estava de passagem pela unidade começou a sentir-se mal e foi socorrida pelo doutor Neto, como é conhecido. Ao examiná-la, o médico constatou que ela já estava em trabalho de parto e, como não havia mais tempo para remoção, a criança, um menino de 2,565 quilos e 48 centímetros, nasceu às 12h10 na própria UBS.

Embora prematuro, o bebê nascido em 2014 ganhou peso, teve alta do hospital e só não é acompanhado pelo pediatra da UBS Morros porque a gestante era moradora do Pimentas. Diferentemente, no caso da menina que nasceu em casa nesta terça-feira, a mãe já falou que sua filha será paciente do doutor Neto. “Depois da correria, é bom demais ver que está tudo bem com a mãe e a criança. Para nós, que lidamos com doença o tempo todo, é muito gratificante. Parece um folhetim, mas é a vida”, disse o médico.