G1 realiza o último debate com os candidatos Guti (PSB) e Eli Corrêa (DEM)

O último debate entre os dois candidatos foi realizado às 13h desta sexta-feira. Com alguns ataques pessoais, tanto por Eli Corrêa (DEM), quanto por Guti (PSB), o debate também discutiu a questão da qualidade do transporte público da cidade, o problema da falta iluminação pública, com 12 mil postes apagados e a falta de saneamento básico.

Neste último debate, foram quatro blocos entre perguntas dos leitores e dos próprios candidatos, além de temas do G1 e considerações finais. O debate começou com o tema de transporte público, no qual o candidato Eli Corrêa colocou a situação com uma área sensível da cidade, com muitos problemas, entre eles o complexo do Baquirivu e o Trevo de Bonsucesso.

O candidato Guti (PSB) relatou a falta de 105 médicos na área da saúde, além do corte e redução dos cargos comissionados. “Com a redução de 20% destes cargos, conseguimos investimento para a suprir a falta de médicos na área da saúde”, disse o candidato. Já Eli Corrêa, informou que no seu plano de governo, o objetivo é a ampliar a carga horária da farmácia popular, com o planejamento de funcionar por 24 horas, além de um terceiro turno nas UBSs.

O debate realizado pelo site G1, é o último antes do segundo turno que ocorre neste próximo domingo, 30. Nesta última segunda-feira,24, estava previsto um debate na Câmara Municipal, mas devido a ocupação dos estudantes contra a PEC241 ele foi cancelado. Na quarta-feira, a Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) promoveu um debate com os dois candidatos voltados ao planejamento na área empresarial, e durante a semana passada, houve mais dois debates, um na Record News e outro na Rádio Bandeirantes.

Reportagem: Ulisses Carvalho
Foto: Site G1