Filme ‘Vai Guarulhos’ estreia no dia do aniversário da cidade

O filme que contará a história da equipe que leva o nome da cidade, estreia no dia 8 de dezembro, no Cinemark do Internacional Shopping de Guarulhos. O projeto nasceu com Fábio Pelissoni, vice-presidente da equipe, que acabou contemplado através do projeto da Funcultura, aprovado pelo edital da Secretaria de Cultura, no qual disponibilizou a verba para a realização do filme.

Segundo Guilherme Severo, produtor do filme, o vice-presidente do clube procurou a sua produtora, a Perigo Filmes, no final de 2014, com um projeto não de um filme, mas com o objetivo de disponibilizar apenas um DVD para os amantes da equipe. “Ele queria contar a história da Vila das Palmeiras, e nós propomos outra abordagem, outro tipo de roteiro, porque o projeto inicial não foi feito para o cinema”, revela Severo.

A Vila das Palmeiras foi fundada no dia 1 de fevereiro de 1964, em homenagem ao bairro, que está localizado próximo ao Jardim Santa Francisca. Na época, a equipe possuía as cores em verde e branco, homenagem à Sociedade Esportiva Palmeiras.
Mesmo com a fundação em 1964, o clube viveu no amadorismo até 1980. A estreia no profissional ocorreu em 1981, quando começou a disputar as competições da Federação Paulista de Futebol. A mudança do nome para Associação Desportiva Guarulhos, ocorreu somente em 1993, devido à equipe precisar de um estádio para realizar seus jogos, o prefeito da época Paschoal Thomeu mandou construir em 1991 o Antônio Soares de Oliveira, mas com a condição de que a equipe adotasse o nome da cidade, quando modificou também as cores que fazem parte da bandeira do município.

No filme, segundo o produtor Guilherme, a história gira em torno de como uma equipe considerada pequena, não consegue gerar uma empatia em uma cidade de 1,3 milhão de habitantes, e para investigar isso, são destacados alguns pontos como a proximidade e a identificação cultural das pessoas ser mais forte com São Paulo, o que torna a dificuldade de fazer a equipe vingar na cidade.

A história se centraliza em dois personagens principais, relatando as dificuldades e os 20 anos que a equipe se encontra na quarta divisão, com o depoimento do atual presidente, Ricardo Agea e o vice Fábio Pelissoni, tem estreia marcada para o dia 8 dezembro, no aniversário de 456 anos da cidade no Internacional Shopping.

Após a produção do filme, a produtora agora possui outro desafio para 2017, a gravação de um documentário na China em parceria com a Globonews. O tema é sobre as relações entre Brasil e os chineses, a partir das commodities e os seres humanos envolvidos nessa cadeia econômica.

Reportagem: Ulisses Carvalho