Aeroporto de Cumbica fecha 2016 com queda de mais de dois milhões de passageiros

O GRU Airport – Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, fechou 2016 com uma queda de 2,3 milhões de passageiros. Segundo dados da Concessionária do Aeroporto Internacional de Guarulhos S.A., que administra o terminal, em 2015 passaram por Cumbica 38,9 milhões de passageiros contra os 36,6 milhões registrados no ano passado.

Ainda assim o aeroporto figura na primeira posição entre os terminais brasileiros que mais transportaram passageiros no ano passado, segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Em segundo lugar no ranking aparece Congonhas (SP), com 20,5 milhões de passageiros; seguido por Brasília, com 17,7 milhões; Galeão (RJ), com 11,7 milhões e Confins (MG), com 9,5 milhões de passageiros no ano passado.

Entre os cinco primeiros aeroportos com maior movimentação em 2016, além de Guarulhos, registraram queda no número de passageiros os terminais de Brasília (-9,3%), Galeão (-3,9%) e Confins (-14,3). Apenas Congonhas apresentou crescimento de 7,8% em relação a 2015.
De acordo com a Anac, a queda experimentada por boa parte dos terminais em 2016, incluindo Guarulhos, se deve aos cancelamentos de voos diretos para o exterior. Diversas companhias aéreas, como a American Airlines, enxugaram suas rotas partindo de várias cidades do país.

Reportagem: Rosana Ibanez
Foto: Ivanildo Porto