A Secretaria de Habitação em nota ao HOJE, informou que ao invés do processo de reintegração, previsto para ocorrer no dia 18 de fevereiro, iniciará as tratativas para que ocorra a regularização fundiária das moradias da viela Aiquara, baseado na Medida Provisória 759/2016, que dispõe sobre a regularização fundiária rural e urbana, com base na liquidação de créditos concedidos aos assentados.

Segundo a moradora Ketlyn, que compareceu pela manhã ao Paço Municipal, os secretários do prefeito Guti (PSB), já sabiam da situação.”O que a prefeitura nos passou, é que eles estavam atrás de regularizar a área, pois não era interessante para o prefeito Guti a retirada das pessoas do local”,revelou Ketlyn.

O motivo pelo qual o processo estaria correndo, é porque a viela estaria atrapalhando o trânsito no local. Os moradores também foram informados para saber mais detalhes do processo na Secretaria de Assuntos Jurídicos nesta quinta-feira (9).

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here