O ditado popular “Quem te viu, quem te vê” pode servir para explicar o antagonismo existente entre as campanhas realizadas pelo Flamengo no Campeonato Paulista da Série A3 no ano passado e nesta temporada. Depois de mais um capítulo doloroso para o torcedor do Corvo, o experiente goleiro Wagner Asmir entende que a disputa do time guarulhense se restringe a luta contra o rebaixamento para a 4ª divisão.

“Temos que fazer de cada jogo uma final. O nosso título nesse ano será o de sair dessa zona de rebaixamento. Quando sair podemos pensar em classificação, mas o foco agora é pontuar e sair dessa zona”, declarou o arqueiro do Rubro-Negro guarulhense.

Após empatar em 2 a 2 no último domingo (19), no estádio Municipal Antônio Soares de Oliveira, diante do lanterna Grêmio Catanduvense, que enfrentou sérios problemas para chegar a cidade de Guarulhos, os flamenguistas voltam a campo nesta quarta-feira (22), ás 15h, na cidade de Matão (SP), para encarar a Matonense.

“Enquanto tiver chances temos que lutar e não desistir. No ano passado fizemos uma campanha histórica e agora o pensamento é o de deixar essa zona de rebaixamento o mais rápido possível”, concluiu.
Antes do duelo diante do clube de Catanduva dois atletas foram desligados do elenco flamenguista. Deixaram o Ninho do Corvo o atacante Antônio Flávio, autor de dois gols na competição com a camisa Rubro-Negra, e o volante Maycon Paulista. O Flamengo ocupa a 17ª colocação com apenas 12 pontos em 12 jogos disputados.

Reportagem: Antônio Boaventura

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here