A lista do estoque de medicamentos para distribuição gratuita foi atualizada e divulgada pela prefeitura na última sexta-feira (7). Disponibilizada no site, (http://www.guarulhos.sp.gov.br/sites/default/files/file/arquivos/estoque_medicamentos_2017_04_07.pdf) , há um total de 179 remédios,  e destes, existe uma escassez de 60 medicamentos, sendo que apenas 24 estão em processo de compra.

Os medicamentos no almoxarifado central da Secretaria de Saúde são disponibilizados nas Unidades da Rede Pública Municipal, como Unidades Básicas de Saúde, Centros de Atendimentos Psicossociais, Ambulatório e Centro de Especialidades Médicas.

Na lista, estão em falta medicamentos como Aciclovir, que ajuda no combate a Herpes, além Nistatina, que auxilia no combate a infecções por fungos na boca ou na pele, Levomepromazina, para quem sofre de esquizofrenia ou agitação, e Alopurinol, utilizado para prevenir crises de gota ou o excesso de ácido único no corpo.

Atraso no pagamento de fornecedores

O HOJE entrou em contato com a Secretaria de Saúde para apurar sobre a falta dos medicamentos. A saúde alegou que a falta de alguns insumos ocorre devido à atraso no pagamento. “Quanto à lista de medicamentos, a Secretaria de Saúde informa que os itens dispensados são todos aqueles constates da lista e que a falta de alguns insumos é devido ao atraso no pagamento dos fornecedores pela gestão anterior, desde julho de 2016, situação que a atual gestão está negociando, por meio da repactuação dos contratos, a fim de regularizar o abastecimento”, afirmou em nota a saúde.

Reportagem: Ulisses Carvalho

[email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here