Share
Nova série guarulhense estreia neste final de semana

Nova série guarulhense estreia neste final de semana

A série da Companhia Bueiro Aberto, irá contar a história da sociedade marginalizada

Neste sábado (29), às 18h, haverá a pré-estreia da série “Olhar Clandestino”. Filmada quase que inteiramente nos bairros da cidade de Guarulhos, o projeto foi feito de forma independente pelo coletivo Companhia Bueiro Aberto. O evento faz parte de mais uma sessão do Cineclube Incinerante, organizado pela Polissemia Produções, outro grupo local, e ocorrerá no Espaço Arranca, no bairro do Jardim Tranquilidade.

Serão exibidos cinco curtas/episódios, mas antes, como introdução, teremos a reapresentação do filme “Doc. Solidão”, que estreou mês passado. Haverá também o lançamento da segunda edição do Zine Gueto, um periódico mensal que discute o cinema da periferia. O Zine tem apoio do edital PROAC da Secretaria de Cultura do Estado.

Na série Olhar Clandestino, a direção geral é de Daniel Neves e Renato Queiroz, além da participação da diretora Janaína Reis, que trabalhou em um dos episódios.

No elenco há nomes importantes da cidade, como Tirza Araujo, Elizabeth Massarelli, Janaína Reis, Pamela Mota, Diego Pinheiro, Mad Rodrigues, Eliana Sotero e grande elenco.

Sinopse:
A Série Olhar Clandestino é feita para o canal da Bueiro Aberto no Youtube e relata experiências vividas no submundo: “Nos subúrbios das grandes cidades, pessoas vem e vão, histórias se encontram e se desencontram. Entre sorrisos e lágrimas, há sempre relações clandestinas que revelam mundos desconhecidos, olhares que não são notados.”

Os filmes “Amor Bandido”, “Estrela Invisível”, “Solidão SP”, “Crise”, além dessa proposta narrativa, serviram como uma espécie de escola de cinema, onde diversas pessoas sem qualquer formação na área se abriram para o aprendizado na prática, a descoberta desta linguagem, sem qualquer pretensão de perfeição, mas de experimentação. Todo o processo foi colaborativo e é narrado no quinto filme, chamado “No Cinema de Bueiro”, um verdadeiro manifesto sobre tudo que vivemos durante quase um ano mergulhados nas mais diferentes áreas do cinema, pré – produção, produção e pós-produção.

Deixe seu Comentário