Share
Ex-funcionários da Transportadora Rápido Transpaulo realizam protesto exigindo pagamento de rescisão

Ex-funcionários da Transportadora Rápido Transpaulo realizam protesto exigindo pagamento de rescisão

A reunião dos trabalhadores em frente à empresa começou às 5h40 desta terça-feira (2)

Cerca de 90 ex-funcionários da Transportadora Rápido Transpaulo realizam um protesto em frente à empresa contra a falta de pagamento da rescisão e do Fundo de Garantia do Trabalhador Social (FGTS). É o segundo protesto que ocorre na empresa, pois no dia 13 de abril, funcionários chegaram a acampar exigindo o pagamento dos salários.

Segundo o funcionário Fábio Ferreira de Oliveira, ex-motorista da empresa, o protesto da manhã desta terça-feira, ocorre pela falta de pagamento da rescisão e também pela demissão de 200 funcionários da unidade de Guarulhos, localizada na avenida Papa João Paulo, na região do Jardim Cumbica. “Como eles não pagam, neste momento nenhum veículo está saindo da empresa”, afirmou Ferreira.

Além da falta de pagamento, outro problema alegado pelos ex-funcionários é com relação ao aluguel do galpão onde fica a empresa, pois estaria atrasado há seis meses, e teriam um prazo de saída até o dia 20 deste mês.

A reportagem do HOJE está tentando entrar em contato com a empresa, para publicarmos o posicionamento da Transportadora Rápido Transpaulo.

Reportagem: Ulisses Carvalho
ulissescarvalho@grupomgcom.com.br

Deixe seu Comentário