Share
Por manifestações, Soltur promete dificultar  acesso de ex-comissionados no Legislativo

Por manifestações, Soltur promete dificultar acesso de ex-comissionados no Legislativo

Em função das constantes manifestações, o presidente da Câmara Municipal, Eduardo Soltur (PSD), promete dificultar o acesso aos ex-comissionados da Prefeitura de Guarulhos ao plenário nas próximas sessões parlamentares. Os trabalhos desta quinta-feira (11) contou mais uma vez com protestos dos ex-servidores públicos, que reivindicam o recebimento das rescisões trabalhistas.

Contudo, na sessão realizada na terça-feira (9), o líder do governo na Câmara, Eduardo Carneiro (PSB), havia comunicado que a administração não estaria disposta a fazer os pagamentos aos funcionários demitidos no dia 1º de janeiro.

“Vou pedir a presença da Guarda Civil Municipal (GCM) na próxima sessão. Não tem cabimento a pessoa entrar com o apito. Imagina a pessoa que está assistindo a sessão. Ela não vai conseguir entender nada”, disse Soltur.

O grupo de aproximadamente 30 pessoas buscava a todo instante com palavras de ordem contra o prefeito obter a atenção dos parlamentares. Disposto a prosseguir com os trabalhos, Soltur optou por não encerrar as atividades. “Eles estão querendo criar tumulto. Infelizmente vou ter que tomar uma atitude. Fica impossível de acompanhar a sessão. Mandei o recado para eles antes e que não iria encerrar a sessão”, concluiu.

Reportagem: Antônio Boaventura

Deixe seu Comentário