Esporte revela que a meta é dobrar o número de medalhas dos Jogos Regionais de 2018

Ausente por quatro anos da disputa dos Jogos Regionais, Guarulhos retornou a competição neste ano e voltou da cidade de Caraguatatuba (litoral paulista) com 47 medalhas em distintas modalidades. Já Iltonjorge Roque, subsecretário de Esporte, revelou que o planejamento para a próxima disputa, que acontece no ano seguinte, é dobrar o número de conquistas.

Com 17 medalhas – seis delas de ouro -, o atletismo foi a modalidade com maior número de conquistas. A ginástica artística ficou com o segundo posto ao conquistar 16 medalhas. No quadro geral, o município, que levou para a cidade do litoral norte 120 profissionais em sua delegação, encerrou sua participação com 15 medalhas de ouro, 14 de prata e outras 18 de bronze.

“Se a parte financeira não ajudou, o resultado foi fantástico. Nós queremos dobrar o número de medalhas. Este processo também serve para aguçar outras equipes a entrarem em disputas como o Campeonato Paulista, e dessa forma fortalecer o esporte de Guarulhos”, explicou Roque.
Outras modalidades como o ciclismo, karatê e a ginástica rítmica tiveram participação efetiva nos Jogos Regionais. Apesar do pouco tempo de preparação, as representantes da ginástica trouxeram três medalhas para Guarulhos – duas de ouro e outra de prata.

“Tínhamos como expectativa a conquista de vinte medalhas e superamos esta previsão. Os Jogos Regionais faz parte de um plano de governo que prevê o resgate do esporte da cidade e faz com que outros atletas se interessem em representar Guarulhos em outras disputas”, concluiu.

Reportagem: Antônio Boaventura
[email protected]

Foto: Ivanildo Porto