Prefeitura reúne empresários no lançamento da terceira edição do Caderno Econômico

A terceira edição do Caderno Econômico de Guarulhos foi lançada, na manhã desta segunda-feira (30), pela Secretaria de Desenvolvimento Científico, Econômico, Tecnológico e de Inovação (SDCETI), da prefeitura, no auditório da empresa Aché Laboratórios.

Com periodicidade trimestral, a publicação divulga dados importantes para que o empresariado local e o poder público possam direcionar suas decisões. “Os números do Caderno Econômico são reais, transparentes e servem como um manual para quem deseja investir em nosso município. Estamos trabalhando para criar um ambiente ainda mais propício para o investimento na cidade”, afirmou o prefeito Guti, durante o evento.

A edição também traz assuntos como a integração entre cidade e aeroporto,em torno do conceito de aerotrópole; um levantamento inédito das instituições de ensino superior no município em 2017 e um estudo de demanda turística. “Gostaria de destacar o curso no emprego na cidade. A cada edição (do Caderno Econômico), os números mostram a diminuição de desempregados. É importante destacar que o município também se fortaleceu na exportação, quando analisamos a balança comercial, e isso tudo ainda pode ser potencializado pelo conceito de aerotrópole, que incorpora o aeroporto à cidade para fazê-la mais forte, complementou o secretário da SDCETI, Rodrigo Barros, na ocasião.

Empresários de Guarulhos e região

O evento de lançamento contou ainda com a presença de diversos empresários e autoridades. O presidente da Aché Laboratórios, Paulo Nigro, declarou estar impressionado com a qualidade do Caderno Econômico e foi o primeiro a dar o seu depoimento, falando sobre sua experiência como um empresário da cidade. “O que este município esta fazendo é um exemplo para o Brasil. Esse Caderno mostra os indicadores transparentes de uma cidade que é complexa. É disso que precisamos neste país. Porque a transparência responsabiliza e forja a integridade”. Na sequência, as atividades continuaram com declarações da diretora comercial da Mobensani, Simone de Azevedo, e do sócio-fundador da Truckvan, Alcides Braga.

Ao analisar o mais profundidade o recente Caderno Econômico, o secretário da SDCETI, Rodrigo Barros, fez questão de salientar o investimento que o governo municipal tem empenhado na formação de talentos, visando a profissionalização. “Guarulhos começa a transformação para cidade do conhecimento. Para isso, aproximamos as instituições de ensino da administração pública. O resultado, no futuro, é uma pessoa com melhor qualificação profissional, o que resulta em um emprego melhor e um salário médio maior”, concluiu.