Orquestra Jovem apresenta obras primas de Mozart e Schumann

Um repertório intenso dedicado a dois grandes nomes da música erudita: Mozart e Schumann. No próximo domingo (12), às 16h, a Orquestra Jovem Municipal de Guarulhos (OJMG) apresenta repertório sinfônico-coral com o Collegium Musicum e o Coral Patois na Paróquia Nossa Senhora da Consolação, região central da capital. A entrada é grátis e a classificação é livre.

O repertório conta com a execução da Sinfonia nº. 3 “Renana” op. 97 em Mi bemol maior, de Robert Schumann. Composta em 1850, a sinfonia Renana é considerada um marco na obra do alemão, uma peça densa, com muita energia e emoção, um grande desafio para os intérpretes.

Na segunda parte do espetáculo, a OJMG executa a Missa K. 315 “Coroação” em Dó maior, de Mozart, oferecendo ao público esta obra prima da música coral, composição que explora o contraste entre rigor e doçura, força e sensibilidade. Para esta música, o concerto contará com mais de 70 vozes dos coros Collegium Musicum e Coral Patois, além de quatro solistas: a soprano Priscila Zamluti, a mezzo-soprano Ariadne Oliveira, o tenor Leonardo Geronazzo, e o baixo Saulo Javan.

O maestro Emiliano Patarra, regente da OJMG, enfatiza a importância das parcerias para a realização de grandes espetáculos. “Com o tempo, as pessoas começam a observar que é possível assistir a apresentações de grande qualidade conquistadas por meio dessas importantes parcerias. Nesse sentido, a Orquestra Jovem vem se destacando pelo brilhante desempenho de seus músicos, cujo nível está à altura de grupos de renome, como o próprio Colegium Musicum.

Os grupos

Fundado em 2010 na Aliança Francesa de São Paulo, quatro anos depois o Patois se tornou artisticamente independente, um grupo vocal amador que se dedica à execução de peças corais eruditas à capella, originais para a formação. Difundir o trabalho de corais amadores por sua qualidade, incentivar a formação de novos públicos e grupos interessados no repertório coral, bem como proporcionar a cantores amadores a prática e a instrução musical e artística, aliadas a um ambiente agradável de socialização, são os principais valores e objetivos desse grupo que almeja se tornar referência artística desse repertório.

Já a Associação Colegium Musicum de São Paulo dedica-se ao canto coral ininterruptamente desde 1962. Fundado por Ronaldo Bologna, teve como regentes os maestros Roberto Schnorrenberg, Marieddy Rosseto, Abel Rocha e Bruno Facio. Atualmente o grupo é dirigido pelo maestro Nibaldo Araneda, dando continuidade ao trabalho de Facio, atual regente do Coral Lírico de São Paulo.

Serviço
Data: domingo (12), às 16h
Local: Paróquia Nossa Senhora da Consolação – Rua da Consolação, 585 – Consolação – São Paulo

Data: domingo (19), às 16h
Local: Paróquia de São Luiz Gonzaga – Avenida Paulista, 2.378 – Cerqueira Cesar – São Paulo

Entrada gratuita
Classificação livre