Educa Mais inicia um novo modelo de Educação da Prefeitura de Guarulhos

Assunto: Quadrinhos nas Escola CEU Rosa de França Local: CEU Rosa de França Data: 11.06.2015 Foto: Fabio Nunes Teixeira

A Prefeitura de Guarulhos deu início neste semestre a um novo modelo de educação na cidade com o Programa Educa Mais, iniciativa que amplia o período de permanência escolar de quatro para sete horas diárias, visando alavancar a aprendizagem dos alunos dos 5os anos da rede municipal.
Para o prefeito Guti, o Programa Educa Mais é um momento significativo que representa a concretização do eixo Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Informação prevista no plano de governo da nova gestão. “Apesar de todas as dificuldades financeiras que temos enfrentado, a realização desse programa representa um marco na educação da nossa cidade”, destacou o prefeito.

Entre as principais mudanças estruturais para a implantação do programa, está o sistema de alimentação escolar. Os alunos estão recebendo uma merenda a mais, o que tem exigido um rígido controle de logística e produtos, para manter a qualidade do atendimento.
Para potencializar o conhecimento das equipes gestoras e cozinheiros das escolas, o Dase – Departamento De Alimentação e Suprimentos da Educação da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secel) oferece treinamento sobre análise da qualidade do produto, embalagem, quantidade e a importância de atestar o recebimento dos produtos nas unidades escolares.

A Secel realizou a instalação de um estoque, almoxarifado central, que permite que produtos não perecíveis sejam armazenados de forma adequada e em quantidade suficiente para atendimento das demandas de emergência.
Com relação à fiscalização, a iniciativa garante que todas as unidades escolares recebam alimentos de boa qualidade. Um caminhão de cada fornecedor vão para a Secel, para as equipes de nutricionistas validarem os produtos antes da saída para as escolas. Além disso, as nutricionistas vão visitar com regularidade os Centros de Distribuição dos fornecedores. Essas ações intercaladas garantem que os produtos levados às unidades escolares estejam dentro dos padrões de qualidade.

Como todas as vistorias são por amostragem, é necessária a participação de todos os agentes envolvidos, incluindo a população, fiscalizando as ações, para que a rede municipal possa garantir uma alimentação com qualidade.