A Secretaria de Transportes e Trânsito (STT) realizou nesta quarta-feira (25) os testes para implantação de faixa exclusiva de ônibus nas vias Cariri-Acu e João Veloso da Silva. No entanto, comerciantes divergiram quanto à funcionalidade da faixa nestes locais. A administração municipal prevê a melhora da velocidade dos veículos.

“Foi muito ruim. Esta avenida é curta. O espaço comporta apenas dois carros, e se fizerem esta faixa de ônibus vai ficar um lado prejudicado. Os pedestres e motoristas vão ter dificuldade para transitar aqui. E vai atrapalhar a vida de todo mundo. Esta é uma avenida de comércio”, declarou a gestora educacional Rosimeire Alves, de 33 anos.

Para Hélio da Silva, encarregado de uma gráfica, a implantação do corredor na avenida João Veloso da Silva, localizada no Jardim Cumbica, não trará qualquer prejuízo ao comércio que gerencia. “Não temo perder clientes. Os clientes quando não estão aqui estacionam em outro lugar”, observou.

De acordo com a STT, os testes determinarão a viabilidade de uma faixa de rolamento exclusiva para a circulação de coletivos, que irá beneficiar a operação de 12 linhas municipais, que transportam aproximadamente 9 mil usuários, melhorando a velocidade dos coletivos, bem como a pontualidade no atendimento aos usuários.

Antônio Boaventura

antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br

Foto: Ivanildo Porto

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here