Além do problema com o Hospital Municipal de Urgência (HMU), os funcionários do Hospital Municipal da Criança e do Adolescente (HMCA), também estão com salários atrasados, porém, a situação está complicada no setor da limpeza, já que o Instituto Gerir, responsável pela administração do hospital não teria efetuado o pagamento a empresa terceirizada da limpeza.

Diante desse problema, desde esta segunda-feira (06), o número de funcionários da limpeza teria sido reduzido, além da recepção, que de três atendentes, estaria somente com uma pessoa trabalhando. Um funcionário do hospital que preferiu não se identificar alegou a reportagem que os salários estariam atrasados por quatro meses.

Com esse problema, a limpeza estaria sendo realizada somente em algumas partes do HMCA, como na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e centro cirúrgico. O HOJE questionou o Instituto Gerir, que em nota, alegou não proceder a afirmação sobre o atraso de quatro meses, mas sim, os salários de junho.

“Problema do atraso dos funcionários (salário de junho e não quatro meses) já está sendo equacionado, bem como o problema surgido coma empresa de limpeza”.

Reportagem: Ulisses Carvalho

ulissescarvalho@grupomgcom.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here