Marginal Baquirivu recebe 50 mudas de árvores nativas da Mata Atlântica

A prefeitura, através da Secretaria de Meio Ambiente (Sema), com colaboração voluntária de funcionários da empresa Cummins do Brasil, realizou o plantio de mais de 50 mudas de árvores nativas da Mata Atlântica, no canteiro central da Marginal do Baquirivu, do Taboão.

Os voluntários, jovens integrantes do programa Formare, projeto de qualificação de mão-de-obra mantido pela Cummins, ajudaram a plantar mudas de pau-brasil, pau-ferro, sibipiruna, jequitibá, ipê roxo e amarelo, aroeira, abricó de macaco e merindiba. A Sema forneceu as mudas, orientação técnica para o plantio, além de informações sobre a importância da arborização urbana para uma melhor qualidade de vida nas cidades.

A ação foi mais uma etapa do Programa Ilhas Verdes – PIV, que tem como objetivo reduzir as ilhas de calor, áreas com temperaturas mais elevadas em relação ao restante da cidade, identificadas através de satélite termal. O plantio de árvores nativas também contribui para a redução da poluição sonora, captura de gás carbônico da atmosfera, absorção das águas das chuvas, atração de pássaros e embelezamento da paisagem.

Durante 2017, a parceria Sema-Cummins possibilitou o plantio de 150 árvores nativas no Jardim Aracília, local também identificado como uma ilha de calor.

Vale lembrar que qualquer empresa, organização não governamental ou da sociedade civil pode realizar ações de voluntariado. Para isto, basta entrar em contato com a Divisão de Manutenção de Parques e Áreas Verdes da Sema, pelo telefone 2475-9862.