Legislativo vota implantação de UBS na Vila Augusta e Banco de Materiais de Construção

A Câmara Municipal convocou sessões extraordinárias para votar 59 propostas elaboradas pelos parlamentares. Dentre elas estão a implantação de uma Unidade Básica de Saúde (UBS), no bairro de Vila Augusta, e a criação do Banco Municipal de Materiais de Construção.

Distribuídas em quatro regiões – Centro, Cantareira, São João / Bonsucesso e Pimentas/Cumbica-, Guarulhos conta com 69 unidades básicas de saúde. Destas, 47 são Unidades com Agentes Comunitários de Saúde (ACS) ou Estratégia de Saúde da Família (ESF).

“É uma região da cidade que ainda não possui uma UBS e será de grande importância para o atendimento da população. A proposta foi aprovada pelas comissões e vamos votar em plenário nesta terça-feira. É preciso fazer algo pela saúde, que muita necessita de nós”, disse o vereador Acácio Portella.

Além da proposta do parlamentar do PP, os vereadores avaliam a possibilidade de autorizar o Poder Executivo a criar o Banco Municipal de Materiais de Construção. A iniciativa do vereador João Dárcio prioriza o atendimento às pessoas de vulnerabilidade social e que terá como abastecimento de estoque sobras de diversos tipos de obras, sem a especificação se o destino deste será da iniciativa pública ou privada.

“Esta proposta tem como objetivo de oferecer condições de aperfeiçoar suas residências e trazendo maior dignidade à vida daqueles que estão em situação de vulnerabilidade social. Desta forma, o Estado, em conjunto com a sociedade civil e com o apoio de empresários, poderá contribuir com a diminuição das desigualdades”, explicou.

Antônio Boaventura

[email protected]

Foto: Ivanildo Porto