Antônio Boaventura

antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br

O secretário de Transportes e Mobilidade Urbana (STMU), Giuliano Locanto, garantiu que o edital para contratação de uma nova empresa que irá gerenciar o sistema de estacionamento rotativo, conhecido como Zona Azul, deve ser publicado pela prefeitura no Diário Oficial do Município (DOM) até o dia 25 do próximo mês. O serviço está interrompido desde o final do mês de março deste ano.

Entretanto, a administração pública prometeu o retorno do serviço para até o dia 16 de janeiro do próximo ano. O sistema irá contar com um total de 2.994 vagas. Dessas, 199 serão destinadas a idosos (5%), 128 para deficientes (2%) e 128 para motocicletas (2%). As demais 2.539 vagas são para o chamado sistema operacional normal que será totalmente digitalizado.

De acordo com a STMU, o usuário poderá reservar sua vaga por 30 minutos (tempo mínimo), 1 hora (intermediário), ou 2 horas (tempo máximo), por meio de um aplicativo instalado no celular, ou comprando o cartão virtual dos monitores do sistema, que estarão trabalhando nas ruas para atender o público.

O percentual de arrecadação destinado à prefeitura deve aumentar de 16% para 25% com o novo padrão de cobrança. A mudança faz parte das novas diretrizes trazidas pela Lei 7.651/2018, sancionada em agosto. Os parquímetros serão substituídos por um sistema digital de telefonia celular. Quem não tem internet também poderá adquirir créditos em pontos de venda pré-determinados ou direto com os monitores do sistema.

Quem passou dos 60 anos de idade ou tem mobilidade reduzida não vai precisar pagar a taxa da Zona Azul. A isenção também será concedida para veículos oficiais do Executivo e do Legislativo, desde que devidamente identificados. A permanência do motorista no interior do veículo não desobriga o pagamento da tarifa de ocupação do espaço público.

Foto: Ivanildo Porto 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here