A Polícia Federal (PF) apreendeu nesta segunda-feira (26), no Aeroporto Internacional de São Paulo-Guarulhos, uma encomenda aérea, identificada pela Receita Federal com substância entorpecente oculta.

Servidores da Receita Federal, que atuam na fiscalização de remessas postais, por meio de courrier, identificaram material suspeito no interior de uma encomenda aérea destinada ao Sri Lanka, país da Ásia. Em sede policial, três novelos de lã foram examinados pelos peritos federais, que identificaram a substância contida no interior dos volumes ocultos como cocaína, cujo montante somou 289 gramas.

Foi instaurado inquérito policial com o objetivo de identificar os responsáveis pela droga.

As apreensões de drogas, realizadas pela PF em colaboração com a Receita Federal, no Aeroporto Internacional de São Paulo, em 2018, já ultrapassam uma tonelada e meia e resultaram na prisão de mais de 240 pessoas. Este volume supera em 5% o total apreendido no mesmo período em 2017. Somados os medicamentos importados de forma ilegal, que habitualmente são misturados às drogas pelos traficantes, como lidocaína e tetracaína, o volume atinge um total de mais de três toneladas e meia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here