Família encontrada morta em residência no Bonsucesso será enterrada na Bahia

Reportagem: Ulisses Carvalho

[email protected]

Os corpos de Uildes Lima Moreira, 27, que trabalhava como pedreiro, a esposa, Gilnara Pinheiro de Jesus, 20 e o filho, Brenno Pinheiro, 2, serão sepultamentos na cidade de Ipiaú, no interior da Bahia. O casal já estava morando em Guarulhos há três anos e havia alugado uma residência na rua Piau, no bairro do Bonsucesso há apenas um mês.

Os corpos devem ser levados de avião até a cidade de Ilhéus nesta sexta-feira (12), e depois devem seguir de carro até a cidade de Ipiaú, em uma viagem de mais de 130 km, onde devem ser enterrados no sábado (13). A mãe de Gilnara, Josinélia Pinheiro, conversou com a filha no domingo (7), que teria avisado que estava fazendo um churrasco na casa.

Na noite de terça-feira (09), o proprietário da residência, Adauto de Souza Santos, 63, após ficar dois dias sem ver a família, e devido as luzes acesas na casa, decidiu acionar a Polícia Militar, que ao adentrar na residência, já teria encontrado os três sem vida, com Moreira deitado na cama abraçado ao filho e Gilnara no chão, sem sinais de violência, segundo a PM.

Como havia uma churrasqueira de alumínio acesa no quarto, a Polícia Civil acredita que o casal e o filho morreram após a inalação da fumaça. A perícia foi realizada na local para destacar qual a causa da morte e o boletim de ocorrência foi registrado com morte suspeita, no 7° Distrito Policial, localizado no bairro do Jardim São João.

Foto: Reprodução Rede Social