Após assassinato de comerciante, moradores convocam protesto na Vila Augusta

Reportagem: Ulisses Carvalho

[email protected]

Através das redes sociais, diversos comerciantes e moradores estão combinando realizar um protesto na rua Cônego Valadão, no bairro da Vila Augusta, às 18h desta segunda-feira (12), devido a morte do comerciante Wilson Shumio Koga, 55, assassinado a facadas após um bandido roubar o mercadinho Avícola e Mercearia Ipanema.

O protesto de acordo com comerciantes que falaram com a reportagem é devido à falta de segurança no local e também uma forma de homenagear Koga. “Aqui está muito inseguro, sofri uma tentativa de assalto há um mês”, destacou uma comerciante que preferiu não se identificar, alegando que falta policiamento no local.

O HOJE compareceu na manhã desta segunda-feira a Avícola e Mercearia Ipanema, localizada no n° 1285 da via, porém, estava fechada e havia flores deixadas por moradores com mensagens direcionadas em apoio à família. De acordo com o irmão da vítima, que é proprietário de um estacionamento, Ruben Yugi Koga,59, o comerciante estava no bairro há 44 anos e já havia sido roubado na quinta-feira (08).

“Eu creio que ele deve ter reconhecido o cara e reagiu”, destacou o irmão da vítima, alegando que o enterro foi realizado no Cemitério São Judas Tadeu, localizado no bairro do Picanço, às 17h de domingo (11). O crime ocorreu na noite de sábado (11), às 21h, e no dia seguinte, três suspeitos de participar da morte do comerciante foram presos e um adolescente foi apreendido.

Os comerciantes não informaram se durante o protesto a rua deverá ser fechada. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo (SSP), apenas confirmou as prisões. “Três homens foram presos e um adolescente apreendido na manhã deste domingo (11), em Guarulhos, na Grande São Paulo. O grupo teve participação na morte de um comerciante, na noite de sábado (10), durante um assalto ao seu estabelecimento, na Vila Augusta. Na ocasião, a vítima foi esfaqueada ao tentar impedir o crime. O caso foi registrado no 2° Distrito Policial da cidade”.