Dupla marca encontros pela internet e comete crimes no Jardim Santa Lídia

Reportagem: Ulisses Carvalho

[email protected]

Uma dupla de criminosos estaria marcando encontros através da realização de falsos anúncios na internet para cometer crimes na rua Leovergília Rodrigues da Conceição, no bairro do Jardim Santa Lídia. Esses anúncios seriam publicados na plataforma da OLX, e estaria atraindo pessoas de outros municípios em busca de comprar carro ou moto.

O último caso ocorreu na terça-feira (24), quando de acordo com uma moradora que preferiu não se identificar, a dupla de bandidos roubou um homem da cidade de Campinas, que teria marcado de se encontrar com os bandidos após ver o anúncio de uma moto pela internet. Em entrevista ao HOJE, a moradora afirmou que teriam sido levados da vítima uma quantia de R$ 5.500. Até o momento, nenhum dos dois suspeitos foi preso pela polícia.

“Eles anunciam na internet e marcam de se encontrar nesta rua. Eles chegam sempre de moto, e ficam escondidos em uma viela, onde guardam a moto e observam todo o movimento da rua. Para não serem flagrados pelas câmeras das casas, eles acendem bem o farol da moto. A gente se torna prisioneiro dentro da nossa própria casa”, afirmou à moradora, alegando que a dupla também já realizou outros roubos na rua.

Na semana passada, um motorista de aplicativo, que também teria marcado de encontrar os bandidos após ver um anúncio de um veículo, foi até a rua no bairro, porém, quando percebeu se tratar de um roubo, conseguiu fugir, mas ainda chegou a ser baleado no braço direito, mas chegou a dirigiu até um supermercado localizado na rua Jamil João Zarif, na região do Taboão, onde conseguiu pedir ajuda e acionar a polícia. A vítima foi encaminhada para o Hospital Geral de Guarulhos (HGG), localizado no Parque Cecap.

“Somente desses encontros que essa dupla marca já foi o quarto caso que eles roubam uma pessoa através da internet”, destacou a moradora, alegando que um homem já chegou a se mudar do bairro logo após ser roubado quando estava chegando à residência. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo (SSP), informou que os casos citados pela reportagem são investigados pelo 9° Distrito Policial.

“Em 17 de setembro, um adolescente, de 17 anos, foi apreendido por participação nesses delitos e encaminhado à Vara da Infância e Juventude. A 3ª Cia do 15º BPM/M analisa permanentemente os índices criminais da região para reorientar o policiamento, realizado por meio de motos e viaturas quatro rodas”, informou a secretaria.

Foto: Ivanildo Porto