189 crianças de até quatro anos são vítimas do sarampo em Guarulhos

Reportagem: Ulisses Carvalho
[email protected]

Dos 693 casos de sarampo confirmados até esta quinta-feira (07), pela Secretaria Municipal de Saúde, 189 atingiram crianças de até quatro anos, sendo a maior parte catalogada em menores de um ano, com 102 ocorrências. Apesar do número, de acordo com a secretaria, não houve nenhuma morte provocada pela doença no município.

O maior número de casos ainda segue nas regiões da Cantareira e Centro. A faixa etária mais atingida é a entre 15 a 29 anos, com 298 casos confirmados. Já nas pessoas idosas, de acordo com a secretaria, foram confirmados apenas quatro casos, e nas crianças de cinco a nove anos, houve 23 notificações da doença.

Até o momento, de acordo com dados da Secretaria de Saúde do estado de São Paulo, foram confirmadas 14 mortes em decorrência da doença no estado, sendo a última vítima fatal uma criança de um ano e dez meses, natural da cidade de Limeira. Metade das mortes provocadas pelo sarampo no estado é de crianças com menos de dois anos.

Os principais sintomas da doença são febre acompanhada de tosse e irritação nos olhos. A transmissão ocorre quando o doente tosse, espirra ou até respira próximo de outras pessoas, segundo informação do Ministério da Saúde, destacando que os sintomas e sinais como manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas, podem aparecer no período entre três a cinco dias.

De acordo com a Secretaria de Saúde do estado, a campanha para a vacinação focada nos jovens entre 20 a 29 anos, irá começar no dia 18 deste mês e se encerra no dia 30 do mesmo mês.