Ministério da Saúde cancela Dia D de Vacinação da Gripe e altera a 3ª fase

O Ministério da Saúde decidiu cancelar o Dia D de Mobilização Nacional de Vacinação contra a influenza (gripe), que seria realizado neste sábado (9). Com isso, alterou também a terceira etapa da campanha, que ocorreria inicialmente entre os dias 9 e 22 de maio, e que agora será realizada entre 11 de maio e 5 de junho, mediante a divisão desta fase em duas, com desmembramento do público-alvo.

Ou seja, as crianças de seis meses a menores de seis anos de idade (até cinco anos, 11 meses e 29 dias), bem como as pessoas com deficiência, gestantes e puérperas (mulheres que tiveram filho nos últimos 45 dias) serão vacinadas de 11 a 17 de maio. Já os adultos de 55 a 59 anos de idade e os professores das escolas públicas e privadas serão contemplados a partir de 18 de maio até 5 de junho.

A decisão do Ministério da Saúde de ampliar o período desta terceira fase e desmembrar o público-alvo tem por objetivo evitar a propagação do novo coronavírus (Covid-19). Além disso, outros fatores contribuíram para a  mudança, como a disponibilidade e entrega das vacinas pelo Instituto Butantan para distribuição aos estados e municípios, bem como o fato de que crianças e gestantes são grupos que nos últimos anos vêm apresentando cobertura abaixo da meta de 90%, o que requer esforços maiores para a vacinação, demandando a adoção de estratégias diferenciadas.

Embora a vacina da gripe não proteja contra a Covid-19, o Ministério da Saúde tomou a decisão de realizar Campanha Nacional de Vacinação contra a influenza deste ano com três semanas de antecedência para proteger de forma antecipada a população contra a gripe. A medida visa a diminuir o impacto sobre os serviços de saúde e auxiliar na exclusão de diagnósticos em virtude novo coronavírus, uma vez que os sintomas das duas doenças são parecidos.

Por isso, com a antecipação da campanha, o Ministério da Saúde pretende reduzir a carga de circulação de influenza na população, bem como suas complicações e óbitos, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco. A vacina da gripe protege contra os vírus A (H1N1), A (H3N2) e influenza B. Em Guarulhos, mais de 200 mil pessoas dos grupos contemplados até o momento já foram imunizadas. As doses estão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), das 8h às 16h.