PF prende passageiro por importunação sexual no Aeroporto de Cumbica

A Polícia Federal, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, apreendeu entre os dias 22 e 23, cocaína dentro de livros infantis, cigarros de maconha e prendeu um homem suspeito de importunação sexual durante voo.

 Policiais federais foram acionados, na manhã de ontem (22), em razão da suspeita de importunação sexual que teria ocorrido a bordo de um voo proveniente de Fortaleza, no Ceará. Os policiais abordaram os envolvidos na porta da aeronave e os conduziram à delegacia. A vítima, uma brasileira de 25 anos de idade, relatou à autoridade policial que acordou com o passageiro a seu lado, acariciando sua mão, tendo retirado seu braço do apoio, porém o passageiro tornou a fazê-lo e, após ela ter novamente retirado o braço e se encolhido, o homem passou a mão em sua coxa, do joelho até a região da virilha. A vítima acionou o botão para chamar a tripulação de bordo. Ela relatou o ocorrido e foi acomodada em outro local. O acusado, que estava acompanhado pela esposa, negou os fatos e disse que talvez houvesse encostado na passageira em razão da sonolência. O suspeito foi preso com base no artigo 215-A do Decreto Lei 2848/1940.

Na madrugada de hoje (23), uma mulher que embarcaria para Doha, no Catar e teria como destino final a cidade de Joanesburgo, na África do Sul, foi presa após os policiais federais que fiscalizavam as bagagens despachadas e que vinham de voo de conexão do Rio de Janeiro, encontrarem quase 5 Kg de cocaína ocultos nas capas de livros infantis.

Em outra ação, nesta manhã, um passageiro que embarcaria para Natal, no Rio Grande do Norte, foi conduzido à delegacia por levar consigo, ocultos nas meias que usava, cigarros de maconha. Em desfavor do passageiro, um brasileiro de 31 anos de idade, foi instaurado Termo Circunstanciado por posse de droga para consumo pessoal, sem autorização legal.

Os suspeitos responderão junto à Justiça pelos crimes dos quais foram acusados.