Prefeitura de Guarulhos aciona MP contra veterinária que recebeu 3 doses de vacina

A Prefeitura de Guarulhos vai acionar o Ministério Público (MP) contra a veterinária que afirmou nas redes sociais ter tomado três doses de vacina contra o coronavírus, após burlar o sistema do município. O prefeito Guti, classificou o ato como um “comportamento inaceitável, criminoso e de má-fé com a sociedade, pois tira a vez de alguém se vacinar”.

“A Prefeitura dispõe de muitos esforços para conseguir vacinar com a quantidade de doses que recebe, como é seu dever. Nós contamos com a boa-fé das pessoas, principalmente em uma pandemia”, afirmou Guti em suas redes sociais. Ele ainda frisou que a atitude da mulher coloca a própria vida dela em risco, “pois não há como saber se a dose excessiva é segura”.

Vacina para ‘viajar’

Uma publicação feita pela veterinária em suas redes sociais viralizou durante a tarde desta quinta-feira, 1º, após ela afirmar que tinha escolhido um posto de saúde na periferia de Guarulhos, onde não houvesse computador. Ela já havia tomado as duas doses de um imunizante e agora voltou ao “Uma sorte, anotaram meu nome em uma folha timbrada, quando cair no sistema já será tarde”, escreveu, no mesmo texto em que disse não acreditar em vacinas, mas que agora se sente “mais segura para viajar para onde eu quiser”.