Aeroporto de Guarulhos calcula queda de 5% no tráfego em agosto

Na comparação anual, houve aumento de 102%. Os pousos e decolagens caíram 4% na comparação mensal e cresceram 73% na anual. A Invepar divulgou na última sexta-feira (17) um relatório com o desempenho das suas operações no mês de agosto. “A companhia segue monitorando os impactos do coronavírus para os seus negócios, de forma a deixar seus acionistas e o mercado em geral informados sobre fatores que tragam efeitos relevantes para o grupo”, escreve.

No Aeroporto de Guarulhos, a empresa registrou 2,1 milhões de passageiros em agosto, uma queda de 5% ante julho. Na comparação anual, houve aumento de 102%. Os pousos e decolagens caíram 4% na comparação mensal e cresceram 73% na anual. O transporte de cargas no aeroporto caiu 9% no comparativo mensal, para 27,9 mil toneladas, e subiu 82% sobre o mesmo período de 2020.

Nas concessões de rodovias, a Linha Amarela (Lamsa), no Rio de Janeiro, registrou 3,8 milhões de veículos equivalentes pagantes em agosto, estável na comparação com julho, e crescimento de 28% sobre o mesmo mês de 2020. A CLN teve alta mensal de 2%, a 678 mil veículos, e de 3% na anual.

Já a CRT viu queda de 4% na mensal, a 1,1 milhão de veículos, e alta de 13% na anual. A Via 040 teve queda de 2% na comparação mensal, a 7,1 milhões de veículos, e alta de 11% na anual. A ViaRio registrou aumento de 4% mensal, a 1,7 milhão de veículos, e de 11% na anual.

Nas concessões do metrô do Rio de Janeiro, a Invepar viu um crescimento mensal de 5% em passageiros transportados nas Linhas 1 e 2, a 8,1 milhões; e também de 5% na Linha 4, a 2,4 milhões. Na comparação anual a alta foi de 28% e 36%, respectivamente. Foram 7,26 milhões de passageiros pagantes nas Linhas 1 e 2 e 2,4 milhões na Linha 4.